25 de nov de 2017

ORANDO EM TROVAS

Senhor Jesus, se consentes,
Venho pedir-Te nas trovas
A força para vencer
As minhas lutas e provas.

Dá-me a Tua inspiração
No caminho em que prossigo,
Ensinando a me afastar
De todo e qualquer perigo.

Que eu não deserte ao dever
De servir-Te, hora por hora,
Trabalhando sem cansaço
No Bem que me revigora.

Que eu Te siga o exemplo santo,
Aprendendo em minha vida
A transformar cada pedra
Em degrau para a subida.

Não me permitas a queda
Nas valas da obsessão...
Para livrar-me do mal,
Careço de Tua mão.

Que eu não busque revidar
Ofensa que alguém me faça,
Sorvendo, em silêncio, o fel
Que me transborde da taça.

Se, porventura, ferido
No que tenha de mais caro,
Que eu procure me entregar
Às bênçãos do Teu amparo.

Não me deixes a vagar
Por esses trilhos a esmo,
Como alguém que não encontra
A paz dentro de si mesmo.

Sobretudo, nesta prece,
Mestre de Amor e Bondade,
Eis que venho suplicar-Te
O refúgio da humildade.

Que eu possa ver com Teus olhos
E caminhar nos Teus passos,
Carregando a minha cruz
Com o auxílio dos Teus braços!...

Eurícledes Formiga – Blog Reflexões de um Imortal

(Página recebida pelo médium Carlos A. Baccelli, em reunião pública do “Grupo Espírita da Prece”, na noite de 22 de outubro de 1988, em Uberaba – MG).

Nenhum comentário:

Postar um comentário